Suzuki Jimny

Suzuki Jimny - Avaliação do proprietário após 6 anos de uso

Resumo

O Suzuki Jimny de terceira geração com o motor M13A (1.3 DOHC 16V VVT Gasolina) existe desde o ano 2000. Nos últimos 16 anos praticamente nada mudou, a exceção de detalhes estéticos como a grade frontal, a tampa do capô e o para-choques. No Brasil, por questões de marketing, o Jimny ganhou uma versão "Cross" (para variar...) e acabou um pouco descaracterizado, retorno a este assunto adiante.

Em resumo, o Jimny é um 4x4 compacto ideal para uso nas seguintes condições:

Extensão dos respiros do Suzuki Jimny

O Suzuki Jimny é um jipe versátil e bem construído, ainda assim, dependendo das condições de uso que se pretende para este veículo tornam-se necessárias algumas modificações. Uma destas modificações é a extensão dos respiros dos diferenciais e da caixa de transferência.

Os diferenciais do Jimny possuem pequenas válvulas no topo da carcaça, estas permitem a saída do ar quando aquecido impedindo o dano nas juntas e até o vazamento de óleo. Quando não há pressão no diferencial, uma mola no interior válvula empurra um disco de borracha que veda o respiro.

Suzuki Jimny - Fixação da tampa do compartimento do macaco

A tampa do compartimento do macaco no Suzuki Jimny, pelo menos até o ano de 2010, não acompanhava um sistema de fixação prático. O resultado é um elevado nível de vibração e ruídos ao longo de percursos por terrenos acidentados.

A tampa também é confeccionada em MDF (Madeira de Farelo), um material que, em contato com a água ou na presença de umidade incha e esfarela.

O processo de conservação da madeira constituiu de pintura com algumas demãos de esmalte. O suporte do macaco e as espumas anti-vibração foram removidos e instalados após a aplicação da tinta.

Instalação de módulo MP3/SD/Auxiliar no som original do Jimny

O aparelho de som que acompanha o Jimny até o ano de 2011 não é muito versátil em termos de mídias de leitura, conta apenas com um CD player e rádio AM/FM. Instalar um rádio convencional é complicado pois o recorte do painel não segue os padrões usuais do mercado. Felizmente a Clarion, fabricante do aparelho de som, contemplou os usuários com uma para instalação de um CD Changer (alguém ainda usa isso?) denominada Cenet.