Daniel Brooke Peig
Escolhendo o Hardware e Software para seu Micro

Por Daniel Brooke Peig (http://www.danbp.org)
Versão: 08/12/2003


Obrigado a aqueles que me mandaram e-mails com correções e sugestões. No final da pagina está a lista dos que colaboraram (a partir de 10/9/2003).
Uma breve introdução:

Primeiramente gostaria de avisar que fiz esta página com base em minha experiência na manutenção e montagem de micros de diversos anos e reflente a MINHA OPINIÃO (e a de pessoas em que confio). Não vendo peças ou softwares de micro e portanto não tenho a pretensão de enganar quem quer esteja lendo esta página muito menos de puxar saco de alguma marca. Estou citando nesta página apenas as marcas com que trabalhei, vale o bom senso na hora de escolher algo alternativo.

A minha primeira recomendação é: NÃO ACREDITE EM TUDO QUE VENDEDORES DE SOFTWARE/HARDWARE DIZEM, muitos deles não sabem do que estão falando e apenas decoram panfletos (experimente fazer alguma pergunta técnica). Procure alguém que trabalhe com isso (e seja seu amigo) para ajuda-lo a adquirir um micro.

A segunda recomendação é: EXIJA sempre do vendedor TODOS os manuais e os CDs de instalação do micro (todos os componentes do computador vem com manual), desde a placa mãe e placa de vídeo até o do teclado. As lojas normalmente não incluem os manuais ou os CDs nos aparelhos que vendem como forma de forçar o uso de seus próprios técnicos.

Vou comentar apenas o PCs, a parte de Apples (micros da moda geralmente utilizados por publicitários) vou deixar de lado já que estes tem um uso limitado e não possuem opções de componentes.

Em alguns ítens, coloquei o comentário "(Chipset)". Isto significa que as placas que possuirem este "chip" incorporado vão apresentar características parecidas. No caso de dúvida entre as marcas com mesmo chipset escolha a mais conhecida ou aquela que tiver um manual de instruções mais completo (e site na internet), este macete geralmente funciona bem.

Sugestões, dúvidas e reclamações são bem-vindas!


Legenda:

Azul: Alto desempenho (TOP DE LINHA)
Verde: Melhor relação custo/benefício
Vermelho: Não recomendado
Preto: Merece uma citação
(Chipset): Processador interno, o mesmo em diversas marcas diferentes.



Índice:

-Micros de Marca
-Processadore
-Placa-mãe
-Placa de Vídeo
-Disco Rígido
-Memória RAM
-Placa de Rede
-Placa de Modem
-Placa de Som
-CD-ROM/RW/DVD
-Drive de diquete
-Gabinete
-Teclado
-Mouse
-Caixas Acústica
-Impressora
-Scanner
-Sistemas Operacionais
-Aplicativos de Escritório
-Messager
-Estabilizador
-Cliente de E-mail
-Navegador de Internet
-Anti-Vírus


-Agradecimentos




  • Micros de Marca: Se você está procurando garantia, qualidade e confiabilidade é uma boa idéia comprar um micro de marca. Estes possuem uma durabilidade fantástica muito superior aos montados.
    O maior problema é o preço, cerca de 30% maior, e a variedade escassa de opções.

    - Dell: Fantástica durabilidade, desempenho excelente, garantia muito boa. O maior problema é o preço, computadores da Dell são muito caros.

    - Itautec Philco: Bons componetes, preço razoável, garantia e variedade razoável. Tome cuidado com o suporte após o micro sair de linha, o fabricante praticamente esqueçe dos modelos anteriores obrigando o usuário a procurar um técnico independente.

    - MicroXXX, SuperXXX, ExtraXXX e micros de supermercado: Não recomendo, vale mais a pena montar um computador ou comprar um usado. O suporte técnico é terrível, os componentes são de qualidade ruim e marcas desconhecidas.


  • Processador: É a base do micro, existem duas grandes marcas e cada um possui seus processadores bons e os vagabundos.

    - Intel Pentium 2/3/4: Porcessadores caros porém com excelente durabilidade e estabilidade. As placa-mãe para este tipo de processador geralmente são mais caras porém tem um bom desempenho.

    - AMD Athlon: Preço bom, desempenho superior à serie Pentium. São compatíveis com centenas de placa-mães. Seu único ponto fraco é o super-aquecimento (pode ser resolvido facilemnte com um bom Cooler) que causa travamentos e até queima do processador. É preciso tomar cuidado com a placa mãe para estes processadores; as mais comuns (baratas) tem um desempenho fraco.

    - Celeron : Desempenho ruim. É uma versão simplificada do processador Pentium. Não vale a pena investir em um micro com estes processadores a não ser que deseje utiliza-lo como terminal em uma loja. Um Pentium 3 de 800MHz é mais rápido e estável que um Celeron de 1.2Ghz.

    - Duron : Assim como o Celeron é para o Pentium, este está para o Athlon. A difereça é que a queda de performance em relação ao Athlon não é tão grande como do Pentium para o Celeron. O preço é bom, entretanto micros com este processador, costumam vir com uma placa mãe de performance e qualidade muito inferiores a capacidade do Chip.


  • Placa Mãe: A placa mãe é tão importante quanto o processador. Seu desempenho influi bastante na velocidade do micro. Placas com poucos slots de Expansão ou que não estão a altura da demanda dos processadores e memórias podem causar uma grande dor de cabeça. Existem basicamente dois tipos de placa: As Onboard que integram video, rede, modem, etc são mais baratas porém tem uma capacidade de expansão limitada além de serem mais lentas pois utlizam o processador e a memória do micro. As Offboard integram poucos recursos em si, são mais rápidas e permitem ao usuário escolher as placas que vai utilizar já que tem diversos Slots de expansão.
    IMPORTANTÍSSIMO: Certifique-se de receber o manual e o CD de Drivers da Placa mãe junto com o micro SEMPRE!
    Ao escolher a placa mãe offboard, certifique-se de que ela possui os seguintes ítems:
    - Conector para Cooler de Gabinete e de Processador
    - Slot AGP 4x
    - No mínimo 4 slots PCI
    - Suporte à memórias PC100, PC133 e DDR
    - Saídas USB 2.0 (4 de preferência)
    - Suporte a HDs Ultra ATA
    - Barramento acima de 200MHz (velocidade de comunicação com o processador e componentes)
    - 1 Slot ISA
    - Teclado e mouse PS2
    As placas onboard é recomendável que tenham um bom chipset de vídeo, conectores USB, Mouse e Teclado PS-2 e 2 slots PCI.

    As recomendações de marcas são as seguintes:

    - ASUS e Intel: Tem a mesma durabilidade das outras. Seu desempenho é bom e são muito caras (grande parte do preço é fama da placa). Normalmente tem as últimas tecnologias incorporads e portanto são boas para micros TOP de Linha

    - Biostar, Gigabyte e Soyo: Possuem as mesmas qualidades da ASUS por um preço muito mais em conta. Muito boas para processadores AMD.

    - XCell, PC-Chips: São as mais simples de todas. Tem praticamente tudo Onboard e poucas opções de atualização. O preço é bem acessível. Duram pouco e tem um desempenho regular, caso você perca o CD de drivers ou o manual vai ter trabalho para encontra-los novamente. São recomendadas para processadores Celeron e Duron.


  • Memória RAM: Não há muito que falar deste componente, prefira sempre memórias PC 133 às PC 100 e se você quiser um desempenho muito bom, considere comprar as memórias DDR (Rambus).

    - Kensington: São duráveis e rápidas.

    - Toshiba, Samsung: São mais acessíveis e lentas.


  • Placa de vídeo: Faz uma enorme diferença no desempenho do micro. Prefira sempre aquelas com slot AGP, mesmo que tenham uma memória pequena. Atualmente, 64MB de memória é suficiente para jogos e aplicações gráficas de alto desempenho. Se você for usar o micro como estação de trabalho, 8MB é mais do que o suficiente. Saídas RF para a TV são úteis para gravar vídeos do micro e ver DVDs. Ao comentar as marcas, vou falar de chipsets e de placas montadas.

    - (Chispset) GForce FX Serie 5000 / ATI Radeon: Desempenho superior a GeForce 4, Quanto maior o número (5400,5800,5900) melhor. Caríssima, vale a pena esperar lançar um modelo novo para comprar uma destas!

    - (Chispset) GForce 4 Ti: Alto desempenho, recomendado para jogos que necessitem de um alto poder de processamento.

    - (Chipset) GForce 4 MX: Versão leve da GE Force 4, foi feita para pegar embalo no nome, seu desempenho é inferior ao da GForce 2 Ti descrita abaixo entretanto muito superior ao da TNT2. Tome cuidado com o fabricante da placa, é muito comum encontrar este Chipset em placas vagabundas que apresentam problemas de compatibilidade.

    - (Chipset) GForce 2 Ti: Muito boa, se você não tiver dinheiro para comprar uma GForce 4 Ti invista nessa. O desempenho é superior ao da Ge Force 4 MX.

    - (Chipset) Riva TNT 2: O mais comum nos micros de hoje. É barato e oferece um bom desempenho. Costuma travar em alguns jogos.

    - (Chipset) Vodoo 2,3,4: Já saíram de linha, muitos sistemas não suportam esta placa e podem vir a travar com frequência. Seu desempenho é superior ao da RIVA TNT2 porém é muito instável.

    - Fabricantes: ASUS, PixelView e MSI: Produzem placas com o chipset da GForce, são de excelente qualidade.


  • Gabinete: O gabinete independe da performance do micro e os preços não variam muito. Se você quiser economizar vale mais a pena comprar um usado de qualidade do que um novo ruim. Verifique se suporta sua placa mãe. Não há nenhuma marca que se diferencie entretanto aqui vão algumas qualidades de um bom gabinete.

    - Fonte ATX de 300W ou maior com 4 saídas para HD (conector grande).
    - Botão Liga e Desliga e de Reset grandes porém não salientes (evita desligar o micro esbarrando no gabinete).
    - Leds brilhantes de cores diferentes indicando (modo de espera, atividade do HD e modo ligado). Evitar os gabinetes em que há uma capa escura (filme) em cima dos leds.
    - Boa ventilação (Micros P4 e Athlon): Normalmente grade em cima com cooler exaustor (sopra para fora) ou lateral com cooler injetor (sopra para dentro).
    - Bom isolamento acústico: A regra é, quanto mais pesado o gabinete, melhor.
    - Tampa lateral que permite o acesso mais rápido às placas.
    - Permite saídas USB frontais.


  • CD-ROM/RW e DVD: Atualmente o mais indicado é um CD-RW, quase ninguém ve um DVD no micro e a diferença de preço para um CD-ROM normal é pequena (o benefício é obvio). As velocidades são todas parecidas, há pouca diferença de um com 42x e outro com 52x. No caso de CD-RW procure os que possuam um Buffer maior.

    - Plextor/HP/Philips: Top de linha, são um pouco mais caros que os demais porém leem e gravam praticamente tudo.

    - Creative/LG: Muito bons e com um excelente preço. Prefira o Creative.

    - VCL, VBL, Marcas não identificadas: Se for um CD-ROM tudo bem, se for CD-RW ou DVD esqueça. É difícil encontrar drivers e programas compatíveis.


  • Drive de diquete: Dura pouco e estão praticamente obsoletos. Compre o mais barato.


  • Disco Rígido (HD): Se você não quiser preder seus dados compre um HD de qualidade. As diferenças de preços entre as marcas são muito grandes. Discos de 7200rpm são mais rápidos porém necessitam de resfriamento (cooler). JAMAIS compre HDs usados, o disco é uma peça mecânica e, ao contrário de placas, sofre desgaste físico.

    - Seagate: Muito bom, pode durar vários anos sem apresentar falhas.

    - Samsung: Barato porém altamente frágil. Uma pancadinha pode fazer você perder todos os dados.

    - Fujitsu: Muito ruim. Não compre, você corre o risco de perder todas as informações.


  • Placa de som: As melhores são as que possuem mais entradas e saídas (Som 3D) bem como suporte a uma maior quantidade de vozes simultâneas. A maioria tem um encaixe para Joystick.

    - Creative Labs: Melhor marca. Seus preços variam bastante dependendo do modelo, os mais simples são reconhecidos automaticamente pelo Windows e tem uma qualidade muito boa.

    - Yamaha, Roland: Normalmente vendem equipamentos profissionais caros não há ganho algum para uso doméstico.

    - (Chipset) Ensonic: Simples, barata e funcional.


  • Placa de Rede: Prefira Ethernet 10/100 com luz indicadora de link (muito importante!!)

    - 3COM - Top de linha. Possui uma grande memória interna (buffer) e corrige sujeiras e falhas no cabeamento. São aproximadamente 4x mais caras que as outras marcas porém duram para sempre.

    - (Chipset) RTL8139: As marcas (Encore, LG, etc..) que utilizam este chip tem placas muito baratas e compatíveis com praticamente todos os sistemas operacionais. São bastante duráveis.

    - (Chipset) VIA ou SIS: A instalação dos drivers, suporte e compatibilidade é ruim.


  • Placa de Modem: Esta parte é complicada. A maioria das placas existentes no mercado utilizam um sistema conhecido como WinModem, ou seja, só funcionam no Windows. As placas Winmodem utilizam software para controlar o fluxo de dados e a correção de erro ou seja: consomem recursos do computador e tem uma eficiência muito baixa (a conexão é lenta e está sempre caindo).

    - 3COM / US Robotics: Estas placas são muito boas. Porefira as que possuem controle através de hardware quee garantem conexões rápidas e estáveis mesmo em linhas um pouco sujas. Queima com facilidade: utilize um filtro de linha eficiente.

    - (Chipset) Rockwell: Tem controle através de Hardware porém não suportam linhas muito sujas. O preço é mais acessível que a 3COM porém são difícies de serem encontrados no Brasil.

    - (Chipset) HSP56 Motorola: É o pior de todos, é a maior causa de insatisfação dos usuários de internet. Vive travando, a conexão é ruim e queima com facilidade. Infelizmente é o mais vendido no Brasil por causa do preço.


  • Caixas acústicas: São ítens comuns que na maioria das vezes vem de brinde com um micro novo. Se você for escollher alguma que não esteja listada abaixo procure as que tem a frente de tecido e a maior potência amplificada.

    - JBL, Creative: Possuem um som nítido e são potentes, as melhores para um micro pessoal.

    - Logitech: São duráveis e possuem uma potência razoável. Díficeis de achar no Brasil.


  • Mouse: Se você for comprar um micro novo, prefira os mouses PS-2 a mouses seriais e USB. As portas seriais e USB são poucas e necesárias para outros periféricos. Também é recomendado que o mouse novo tenha o "Scroll Button", uma rodinha no meio que facilita rolar as páginas de um documento ou da internet. Nem é necessário dizer que o mouse precisa ser confortável.

    - Microsoft: Apresenta diversos modelos, desde ópticos até os mais simples. O preço chega a ser proibitivo mas o produto é confortável e preciso.

    - Leadership, Genius: São baratos e tem uma boa durabiliade.

    - Omega, Saturno, Jupiter e marcas de 5 reais: Duram cerca de um ano, depois disso começam a "engasgar" chegando até ao travamento total.


  • Teclado: Precisa ser confortável, para isso opte por modelos maiores e com os botões suaves. Prefira teclados PS-2 do que USB e Serial, estas duas últimas portas são utilizadas por outros periféricos. Teclados que venham com botões do tipo: e-mail, faz, imprimir, etc... não valem a pena já que precisam de um software específico instalado.

    - Microsoft: Mais uma vez é líder em conforto e qualidade. Apenas evite os teclados com os botões do Internet Explorer, Outlook, etc...

    - Leadership, Genius: Simples, eficiente e barato.


  • Impressora: Não há muita discussão quanto a elas. Prefira sempre impressoras avulsas a equipamentos multifuncionais que quando algum dos ítems apresenta problema você vai ter uma baita dor de cabeça. A moda agora são as impressoras USB. Cuidado com elas se você tiver um micro que utilize um sistema operacional antigo (Windows 95) fique atento aos cartuchos de conteúdo reduzido (metade da tinta) que a HP comercializa.

    - HP: Estas impressoras são mais caras tanto o produto quanto os cartuchos de tinta. Duram muito mais que as outras e é raro quebrarem. Compre sempre impressoras com 2 ou mais cartuchos de tinta diferetes (preto e colorido). Os modelos mais baratos são frágeis e de pouco autonomia, tome cuidado.

    - Epson: Tem uma boa qualidade e impressão e suprimentos baratos. São as campeãs de problemas e falhas, se a sua der problema é melhor comprar uma outra.

    - Lexmark, Cannon: Mais simples de todas, são baratas. Quando você for comprar o cartucho vai ter uma surpresa: É mais caro que a impressora. O suporte técnico é muito ruim.


  • Scanner: Compre sempre USB se seu computador suportar. Os de mesa são melhores que aqueles onde você coloca folha por folha. Prefira a resolução 600x600 dpi óptica ou superior. Ignore a resloução interpolada (geralmente 20.000dpi para cima) esta não passa de uma estratégia de marketing.

    - HP: Possui uma linha variada de scanners desde os mais simples até prosfissionais. A qualidade é muito boa.

    - Epson: São mais baratos que os HP. O suporte não é tão bom.

    - Genius: Melhor custo benefício de todos. Compre sempre os modelos mais populares para não ter dor de cabeça depois.

    - TCE: Quebram e dão muitos problemas. Não vale o investimento.


  • Sistema Operacional: Escolha de acordo com as SUAS necessidades. Se você comprar algo superior vai estar disperdiçando dinheiro.

    - Windows 2000/2003: Recomendado para servidores de empresas e computadores robustos (512 MB de RAM). É um sistema pesadíssimo porém altamente estável. Pode trabalhar meses sem ser reiniciado. Não apresenta vantagens ao usuário doméstico. Nem pense em comprar pirata, os updates pela internet descobrem as versões ilícitas e não são instalados.

    - Windows XP: Muito estável, oferece um bom desempenho e dificilmente trava. Ideal para pessoas que possuam micros Athlon/Pentium 3 com mais de 700MHz e 128MB de RAM. Não instale em um computador inferior a este pois o mesmo ficará muito lento. Muito bom para usuários domésticos e estações de trabalho. Se você for comprar, prefira a versão PRO.

    - Windows Me: É um intermediário entre o 98 e o XP. Não vale a pena instala-lo. Apresenta muitos problemas (principalemnte com relação à rede) e não possui um desempnho satisfatório.

    - Windows 98 SE (Segunda Edição): Se você possuir um micro que não tenha o XP, escolha este. É compatível com quase qualquer hardware acima de 233Mhz com 32MB de RAM. O Windows 98 não é muito estável porém seus problemas e falhas são facilmente resolvidos. O sistma é leve e rápido porém não muito seguro.

    - Linux: Se você quiser um sistema completo (com tudo desde Office até joguinhos) por um preço insignificante (ou de graça) escolha o Linux. O sistema difícilmente trava, funciona bem em micros antigos e vem com mais de 2000 aplicativos. Os pontos fracos são: Difícil de rodar programas Windows (embora abra documentos deles) como o do imposto de renda, a necessidade de uma pessoa experiente para instala-lo e fazer a configuração inicial e não é compatível com os Hardwares de marcas pouco conhecidas. Praticamente não pega vírus. Funciona tanto como servidor como para uso doméstico. A distribuição Conectiva é em português e tem suporte no Brasil entretanto a mais recomendada é a RedHat.


  • Aplicativos de Escritório:

    - Microsoft Office: É o mais conhecido e caro, é aqule do Excel, Word e Power Point. Funciona em Windows e tem versões disponíveis para Mac.

    - Open Office: É um clone do Microsoft Office. Trabalha com os mesmos formatos de documento e possui "clones" do Word, Excel , PowerPoint. É interessante a organização das barras de ferramementas dete aplicativo. O conjunto é de graça e está disponível para Linux, Mac, Windows e SunOS.


  • Messager:

    - ICQ: É o mais antigo e popular de todos. Foi desenvolvido em Israel, é de graça e possui versões para todos os sistemas operacionais inclusive uma Online em Java que não precisa ser instalada, é só entrar na página e falar. É extremamente seguro contra vírus.

    - MSN Messager: Uma imitação da Microsoft para o ICQ. Para forçar o uso deste aplicativo a empresa anexou-o ao Windows XP (não pode ser desinstalado). Este Messager obriga você a fazer uma conta no Hotmail da Microsoft, só funciona no Windows, inicia sem a sua autorização quando você entra em algum site da Microsoft Passport(não pode ser desativado). É extremamente sucetível à vírus. Muitas pessoas que instalam o Windows XP acabam sendo dominadas pela propaganda (agressiva) do Sistema e usam o messager. Não recomendo nem para meu pior inimigo.

    - Gaim/Miranda: São uma espécie de canivete suiço dos messagers, com um só aplicativo é possível acessar o ICQ,MSN,Yahoo,AIM dentre outros serviços. Os dois tem funções interessantes mas se você ficar em dúvida eu recomendo o Gaim que funciona tanto no Windows como no Linux e possui uma interface bem amigável.


  • Estabilizador: Para escolher um, verifique se é microprocessado, se tem bastantes saídas, se inclui filtro para linha telefônica, se tem luzes indicadoras de estado e a potência que suporta. Quanto maior a garantia, melhor. Porcure os certificados pela Abinee

    - SMS: É bem conhecido e possui diversos modelos.

    - TShara: É um pouco mais barato porém funicona muito bem também.


  • Cliente de E-mail: Se você frequentemente tem problemas com vírus no computador pode ser por causa do cliente que está usando.

    - Eudora: É o mais antigo de todos. Muito utilizado na Europa e nos EUA. É leve, rápido e possui centenas de recursos. Não conheço uma vírus desenhados para este programa. É grátis e funciona em Windows e Mac.

    - Outlook: É bonito e fácil de usar. Este é o sistema mais sujeito à vírus. Extremamente frágil o Outlook é uma avendida para a contaminação do seu micro com vírus (alguns deles desabilitam o software anti-vírus antes da infecção). Muito cuidado com este programa pois o barato sai caro no final. Só funciona em Windows. A versão para Mac está desatualizada e cheia de bugs.


  • Navegador de Internet: É a porta de acesso para a Internet. Vale a pena ter mais de um instalado no micro já que ocupa pouco espaço. Cada versão possui suas características e vantagens mas o modo de usar é sempre o mesmo (quem usa um consegue usar todos).

    - Netscape (acabou de sair de linha): É o mais antigo dos browsers, existe desde 1994. É compatível com praticamente todos os sistemas operacionais. Vem com cliente de e-mail e editor de páginas e diversos outros aplicativos (gerenciador de downloads, anti-popup, etc...). Pode ser personalizado. O ponto fraco é o registro chato (mas gratuito) que obrigam a fazer.

    - Mozilla: Versão em código aberto do Netscape (explicações acima). Possui os mesmos recursos só que é mais leve e não requer o registro. 100% recomendado a partir da versão 1.4

    - Internet Explorer: Por ser integrado ao Windows (a versão para Windows é a única decente), carrega mais rápido. Por ser muito usado a maioria dos aplicativos tem um bom suporte ao explorer. Vem com poucos aplicativos no pacote e está cheio de vulnerabilidades a virus e falhas de segurança (não é recomendado para empresas).

    - Opera: Tem poucos recursos (alguns bastante interessantes) e é leve. Mostra anúncios durante a navegação entratanto possui uma legião de fãs.


  • Anti-Vírus: Se você recebe muitos e-mails com anexos e acessa suas contas de e-mail através de aplicativos no computador como o Outlook ou baixa arquivos através de P2P (Kazaa, napster, etc..) deve pensar seriamente em adquirir um anti-vírus. Ao contrário do que muita gente acredita, um bom programa de detecção de vírus não é aquele que captura centenas de milhares de vírus e sim aquele que oferece atualizações constantemente para as novas ameaças e, ao mesmo tempo, é leve e rápido já que ficará funcionando o tempo todo consumindo os recursos do micro. Lembre-se que ter um anti-vírus atualizado não é o bastante, desconfie de e-mails estranhos.

    - Norton Anti-Vírus: O mais fácil de utilizar, excelente detecção de vírus, é atualizado semanalmente (automaticamente ou manualmente). Infelizmente a licensa para poder fazer as atualizações dura só um ano, depois disso você precisa comprar uma nova licensa ou programa. Também é um pouco exigente com relação à memória do micro.

    - McAfee Virus Scan: O mais antigo de todos. Sua detecção e estabilidade são excelentes. Funciona em micros mais antigos já que é um pouco mais leve que o Norton. As configurações padrão de instalação não são suficientes para proteger o micro 100%, você precisará modificar algumas opções depois de instalá-lo. É constantemente atualizado embora a atualização automática ou manual não seja tão simples.

    - PC-Cillin e Panda Anti-Vírus: São anti-vírus mais baratos e cada vez mais conquistam uma fatia maior do mercado. Embora sejam constantemente atualizados a remoção dos vírus não é tão eficiente ou segura (principalmente para vírus mais antigos). Se você não navega pelo "submundo" da internet e não está utilizando seu micro como servidor ou conectado em uma rede, não vai ter problemas com estes softwares.

    - AVG: A versão pessoal é grátis e com algumas limitações entretanto se você não estiver disposto a pagar pela proteção vale a pena testa-lo. O banco de dados de vírus ainda é pequeno (recente) porém disponibiliza atualizações periodicamente. As versões pagas tem a vantagem de oferecer uma maior personalização do aplicativo (a quantidade de vírus detectados é a mesma).


  • Agradecimentos: Muitas foram as pessoas que enviaram e-mails com sugestões e opiniões sobre os ítens desta página. Criei esta seção com o intuito de agradecer a colaboração. Espero colocar todos os nomes dos que colaboraram, infelizmente não guardei os nomes daqueles que enviaram suas sugestões até o dia 9/9/2003. Espero que retornem a visita e entrem em contato para que eu os inclua na lista.

    Alex Fabiano
    Ricardo Soldi


    Entre em contato e envie suas sugestões, dúvidas e críticas. É assim que esta página vem sendo atualizada.

    Muito obrigado pela visita!

    Daniel Brooke Peig
    http://www.danbp.org